JOEL

0
5
OSÉIAS
AMÓS

JOEL

1 Título1Palavra de Iahweh que foi dirigida a Joel, filho de Fatuel.

I. A praga de gafanhotos

1. LITURGIA DE LAMENTAÇÃO E DE SÚPLICA

Lamentação sobre a desolação do país

2Ouvi isto, anciãos, escutai vós, todos os habitantes da terra! Sucedeu, acaso, tal coisa em vossos dias, ou nos dias de vossos pais? 3Contai-o a vossos filhos, vossos filhos a seus filhos, e seus filhos à geração seguinte. 4Oque o gazam deixou, o gafanhoto o devorou! O que o gafanhoto deixou, o yeleq o devorou! O que o yeleq deixou, o hasil o devorou!” 5Despertai, vós bêbedos, e chorai! Lamentai-vos, todos os bebedores de vinho, por causa do mosto, pois ele é arrancado de vossa boca! 6Porque um povo subiu contra a minha terra, poderoso e inumerável; seus dentes são dentes de leão, ele tem mandíbulas de leoa. 7Ele transformou a minha vinha em um deserto, e a minha figueira em pedaços; descascou-a completamente e a abateu,seus ramos tornaram-se brancos! 8Lamenta-te, como uma virgem, vestida de saco, sobre o esposo de sua juventude. 9Oblação e libação foram suprimidas da casa de Iahweh.Estão de luto os sacerdotes, servidores de Iahweh. 10O campo está devastado, a terra está de luto, porque o grão está devastado, o mosto falta, o óleo seca. 11Envergonhai-vos, agricultores, lamentai-vos, viticultores, por causa do trigo e da cevada, pois a colheita do campo está perdida. 12A vinha está seca e a figueira está murcha; romãzeira, tamareira, macieira, todas as árvores do campo secaram. Sim, a alegria desapareceu do meio dos homens.

Apelo à penitência e à oração 13Cingi-vos e lamentai-vos, sacerdotes, chorai ministros do altar! Vinde, passai a noite vestidos de saco, ministros do meu Deus! Porque foram afastadas da casa de vosso Deus a oblação e a libação. 14Ordenai um jejum, convocai uma assembléia, reuni, anciãos, todos os habitantes da terra, na casa de Iahweh vosso Deus, e clamai a Iahweh: 15Ai! Que dia! Sim, está próximo o dia de Iahweh, ele chega como uma devastação vinda de Shaddai,16Não desapareceu o alimento aos nossos olhos a alegria e o júbilo da casa de nosso Deus? 17Os grãos ressecaram sob as suas glebas, os silos foram devastados, os celeiros demolidos, porque o trigo está seco.18Como geme o gado! Os rebanhos de bois andam errantes, porque não há pasto para eles. Até mesmo os rebanhos de ovelhas padecem. 19A ti, Iahweh, eu clamo, porque o fogo devorou as pastagens da estepe e a chama consumiu todas as árvores do campo. 20Até mesmo os animais selvagens gritam a ti, porque secaram os ribeiros e o fogo devorou as pastagens da estepe.

2 Alarme no dia de Iahweh1Tocai a trombeta em Sião, Dai alarme em minha montanha santa! Tremam todos os habitantes da terra, porque está chegando o dia de Iahweh! Sim, está próximo! 2Um dia de trevas e de escuridão, um dia de nuvens e de obscuridade! Como a aurora, espalha-se sobre as montanhas um povo numeroso e poderoso, não existiu jamais outro como ele, e nem tornará a existir, depois dele, de geração em geração.

A invasão dos gafanhotos 3Diante dele o fogo devora, atrás dele a chama consome. Antes dele, a terra era como um jardim do Éden, depois dele será um deserto desolado! Nada lhe escapa! 4Seu aspecto é como o de cavalos, galopam como ginetes. 5É como o ruído de carros de guerra, que saltam sobre os cumes das montanhas, como o crepitar do fogo, que devora o restolho, como um povo poderoso, preparado para a batalha. 6Diante dele os povos tremem de medo, todas as faces empalidecem.7Como heróis eles avançam, como guerreiros escalam a muralha. Cada qual segue o seu caminho, sem se afastar de sua rota. 8Ninguém empurra o seu vizinho, cada qual segue a sua via; por entre os dardos eles se lançam, sem romper a fila. 9Assaltam a cidade, correm sobre a muralha, escalam as casas e entram, como ladrões, pelas janelas.

Visão do dia de Iahweh 10Diante dele a terra se comove, os céus tremem, o sol e a lua escurecem e as estrelas perdem o seu brilho! 11Iahweh levanta a sua voz diante do seu exército! Sim, seu acampamento é muito grande, o executor de sua palavra é poderoso. Sim, o dia de Iahweh é grande, extremamente terrível! Quem poderá suportá-lo?

Apelo à penitência

12“Agora, portanto — oráculo de Iahweh — retornai a mim de todo vosso coração, com jejum, com lágrimas e com lamentação”. 13Rasgai os vossos corações, e não as vossas roupas, retornai a Iahweh, vosso Deus, porque ele é bondoso e misericordioso, lento na ira e cheio de amor, e se compadece da desgraça. 14Quem sabe? Talvez ele volte atrás, se arrependa e deixe atrás de si uma bênção, oblação e libação para Iahweh, vosso Deus. 15Tocai a trombeta em Sião! Ordenai um jejum, proclamai uma reunião sagrada! 16Reuni o povo, convocai a comunidade, congregai os anciãos, reuni os jovens e os lactentes! Que o esposo saia de seu quarto e a esposa de seu aposento! 17Entre o pórtico e o altar chorem, os sacerdotes, ministros de Iahweh e digam: “Iahweh, tem piedade do teu povo! Não entregues ao opróbrio a tua herança, para que as nações zombem deles! Porque dirão entre os povos: Onde está o seu Deus?”

2. RESPOSTA DE IAHWEH

18Iahweh encheu-se de zelo por sua terra e teve piedade de seu povo.

Fim do flagelo e libertação 19Iahweh respondeu e disse a seu povo: “Eis que vos envio trigo, vinho e óleo. Saciar-vos-eis deles. Não mais farei de vós um opróbrio entre as nações. 20Afastarei de vós aquele que vem do norte,expulsá-lo-ei para uma terra árida e desolada, sua vanguarda para o mar oriental, sua retaguarda para o mar ocidental. O seu fedor se levantará, o seu mau cheiro se levantará!” (Porque ele foi longe demais!)

Visão da abundância

21Não temas, terra, exulta e alegra-te, porque Iahweh fez grandes coisas! 22Não temais, animais do campo! Porque reverdeceram as pastagens da estepe. Sim, a árvore carrega o seu fruto, a figueira e a vinha dão a sua riqueza. 23Filhos de Sião, exultai, alegrai-vos em Iahweh, vosso Deus! Porque ele vos deu a chuva do outono, conforme a justiça,e fez cair sobre vós a chuva, a chuva do outono e a chuva da primavera, como outrora. 24As eiras estão cheias de trigo, as tinas transbordam de vinho e de óleo novo. 25“Eu vos restituo os anos que o gafanhoto devorou, o yeleq, o hasil e o gazam, meu grande exército, que enviei contra vós”. 26Comereis até fartar-vos, louvareis o nome de Iahweh, vosso Deus, que vos tratou de modo maravilhoso. (Meu povo não se envergonhará nunca mais!) 27“E sabereis que eu estou no meio de Israel, eu, Iahweh, vosso Deus, e não outro! Meu povo não se envergonhará nunca mais!”

II. A nova era e o dia de Iahweh

1. EFUSÃO DO ESPÍRITO 3 1“Depois disto, derramarei o meu espírito sobre toda carne. Vossos filhos e vossas filhas profetizarão, vossos anciãos terão sonhos, vossos jovens terão visões. 2Mesmo sobre os escravos e sobre as escravas, naqueles dias, derramarei o meu espírito. 3Colocarei sinais nos céus e na terra, sangue, fogo e colunas de fumaça”. 4O sol se transformará em trevas, a lua em sangue, antes que chegue o dia de Iahweh, grande e terrível! 5Então, todo aquele que invocar o nome de Iahweh, será salvo. Porque no monte Sião haverá salvação, como Iahweh falou, e em Jerusalém sobreviventes que Iahweh chama.

2. O JULGAMENTO DOS POVOS

4 Temas gerais — 1“Pois, eis que, naqueles dias e naquele tempo, quando eu mudar o destino de Judá e de Jerusalém, 2reunirei todas as nações, e as farei descer ao vale de Josafá, ali entrarei em processo contra elas, por causa de Israel, meu povo e minha herança, porque o dispersaram entre as nações e repartiram a minha terra. 3Lançaram sorte sobre o meu povo, trocaram jovens por prostitutas, venderam donzelas por vinho e beberam.”

Ataques contra os fenícios é os filisteus 4“Mas vós, Tiro, Sidônia e todos os distritos da Filistéia, que sois para mim? Quereis vingar-vos de mim? Mas, se tirardes vingança contra mim, logo farei recair a vingança sobre vossas cabeças!5Vós que tomastes minha prata e meu ouro, vós que carregastes para os vossos palácios os melhores tesouros, 6vós que vendestes aos filhos de Javã” os filhos de Judá e de Jerusalém, para afastá-los de seu território! 7Eis que eu os arranco do lugar onde vós os vendestes, e farei recair vossos atos sobre vossas cabeças! 8Venderei vossos filhos e vossas filhas pelas mãos dos filhos de Judá, e eles os venderão aos sabeus,a uma nação longínqua, porque Iahweh falou!”

Convocação dos povos

9Proclamai isto entre as nações: Preparai uma guerra, concitai os fortes! Que se aproximem, que subam todos os guerreiros! 10Forjai de vossas relhas espadas, e de vossas podadeiras lanças. Que o fraco diga: “Eu sou um herói!” 11 Apressai-vos e vinde, todas as nações dos arredores, reuni-vos lá! (Iahweh, faz descer teus heróis.) 12“Que partam e subam, as nações, ao vale de Josafá! Sim, ali eu me sentarei para julgar todas as nações dos arredores. 13Lançai a foice, porque a messe está madura; vinde, pisai, porque o lagar está cheio, as tinas transbordam, pois grande é a sua malícia!” 14Turbas e turbas, no vale da Decisão! Sim, está próximo o dia de Iahweh, no vale da Decisão!

O dia de Iahweh

15O sol e a lua se obscurecem e as estrelas perdem o seu brilho. 16Iahweh ruge de Sião, e de Jerusalém levanta a sua voz: os céus e a terra tremem! Mas Iahweh é um refúgio para o seu povo e um abrigo para os filhos de Israel! 17E reconhecereis então que eu sou Iahweh, vosso Deus, que habita em Sião, minha montanha santa!Jerusalém será santa, e os estrangeiros não mais passarão por ela!”

3. ERA PARADISÍACA DA RESTAURAÇÃO DE ISRAEL

18Naquele dia, as montanhas gotejarão vinho novo, e das colinas escorrerá leite, os ribeiros de Judá conduzirão água. Da casa de Iahweh sairá uma fonte e regará o vale das Acácias.19O Egito será uma desolação, e Edom será um deserto desolado, por causa da violência contra os filhos de Judá, cujo sangue inocente eles derramaram na terra. 20Judá será habitada para sempre, e Jerusalém de geração em geração. 21 “Eu vingarei o seu sangue, não o deixarei impune”, Iahweh habitará em Sião.

OSÉIAS
AMÓS
Ajude a Melhorar Ainda Mais o site, Avalie: